VIVOS - 14

Prof. Dr. José Kormann


RUBENS MÜHLBAUER

Recordo vê-lo caminhando pelas ruas de Rio Negrinho dirigindo-se ao Colégio Cenecista São José onde então era aluno no curso ginasial. Caminhando não perdia seu tempo: tinha papéis na mão onde repetia alguma matéria escolar. Talvez revendo alguma coisa para melhor se sair numa prova.

Sempre foi aluno muito bom. Não convivia com grupelhos de malandros. Seu ideal ia bem mais longe. Sua carreira foi direta rumo a seus desejos que escolheu.

- Primeira formatura em curso superior foi Engenharia Civil, a segunda foi Advocacia. Lembramo-nos que lhe perguntaram o porquê de dois cursos superiores que se parecem tão distintos um do outro, mas sua resposta foi clara e direta:

- Os dois se completam mutuamente; já resolvi casos de engenharia nos quais precisei da advocacia e o contrário também já me aconteceu: o verdadeiro saber nunca secciona, mas se complemente.

Mas o estudo não parou por aí. Vieram outros cursos:

- Pós-graduação em Engenharia de Segurança no Trabalho;

- Pós- graduação em Direito Empresarial;

- Mestrado em Desenvolvimento de Tecnologia na área de Hidrologia: que estuda as chuvas e Hidrodinâmica: que estuda o comportamento dos rios. Como tarefa de conclusão deste Curso elaborou importantíssimo trabalho científico que explica as enchentes de Rio Negrinho e até mesmo as agressões que sofreram e sofrem nossos rios.

É uma obra científica que merece publicação. Nunca um tesouro deve ser enterrado, mas publicado para que ele se multiplique e dê frutos abundantes. "Deitado eternamente em berço esplêndido". Acorde Brasil e você Rio Negrinho brasileiro também.

Plenamente concluídos seus cursos foi trabalhar em Foz do Iguaçu. De lá, após a grande enchente de 1992 ele foi buscado por Acildo Tschoeke e Ulisses Ribas para trabalhar em Rio Negrinho como Secretário Municipal da Reconstrução. Depois ocupou por três vezes a Secretaria Municipal de Planejamento. Depois ainda ocupou a Diretoria Geral do SAMAE sob cuja responsabilidade foi instalada a rede de esgoto no centro da cidade.

Sua mãe foi Angélica Rückel, conhecida como Costureira Noli. Ótima senhora e muito estimada em Rio Negrinho. Seu pai foi Oswaldo Mühlbauer que foi fiscal do Estado e depois escrivão da Coletoria Estadual de Santa Catarina em Rio Negrinho.

Rubens Mühlbauer, bisneto do "Tropeiro Loiro", Miguel Mühlbauer, cuja história já foi amplamente escrita, teatralizada, filmada. Foi também carroceiro histórico.

Prezado leitor, faça tua parte também.



Banner-Jornais-Unidos-Pela-Vacina-180-x-210-px.png

anuncie_aqui.jpg

TM JORNALISMO LTDA. | (47) 3644-9395

Rua Otto Dettmer, 40, Bela Vista, Cep 89295-000, Rio Negrinho/SC

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Jornal do Povo